terça-feira, 4 de janeiro de 2011

Taça da Liga: SC Braga 3-1 V. Guimarães

Noite fria em Braga que depressa aqueceu com mais um derby escaldante.

Braga e Guimarães, eternos rivais, defrontavam-se numa noite de segunda, e aqui há que lamentar o horário deste jogo, que em nada favorece o grande espectaculo queos adeptos das duas equipas podem dar.

Quanto ao jogo, o Guimarães entrou melhor, marcando logo muito cedo por Toscano, ainda assim o jogador do Guimarães estava fora de jogo. O Braga, em desvantagem, atirou-se para cima do rival, e nunca tirou o pé do acelarador. Nilson era o rei da muralha vimaranense, ao impedir o golo a Alan com uma fantastica defesa. Aos 20 minutos, penalty a favor do Braga, justo visto que o jogador do Guimarães toca com a mão na bola já dentro da área. Alan não desperdiçou e empatou. Com o empate estabelecido, o Braga não desistiu de procurar a vitoria e isso aconteceu ao minuto 42, quando Lima, em fora-de-jogo, marcou. Ao intervalo, o resultado era justo, o Braga dominava e os visitantes só criaram perigo com 2 lances.

A segunda parte não foi tão intensa, embora estivesse mais proximo de acontecer o 3-1 do que o empate. Apesar do dominio do Braga, o Guimarães ainda conseguiu assustar algumas vezes, uma delas a mais perigosa, um livre bem defendido por Artur. Já perto do fim, 2 jogadores da equipa visitante foram expulsos, e o com menos 2, o Guimarães, apesar de ainda haver vontade, pouco ou nada podia fazer, e o Braga deu a machadada final à equipa de Manuel Machado, com um golo de Meyong, que apesar do que se diz, está em posição legal.

No final, vitória justa do Braga, que só peca por escassa.

1 comentário:

Gonçalo Correia disse...

Pelo menos um dos golos foi claramente irregular. Vitória justa, mas a margem mínima ficaria melhor tendo em conta tudo o que se passou no jogo. Duas equipas de valia semelhante, capazes de discutir os jogos com qualquer outra em Portugal.